FALANDO DE SENTIMENTOS – DECEPÇÃO

DECEPÇÃO

Por Beatriz Breves

 

Como uma lágrima seca escorrendo ao rosto

e a luz apagada de uma estrela,

assim é o sentimento de decepção:

onde ontem foi sorriso, hoje é nada a dizer.

 

Um sentimento que nos põe frente a frente

com o que um dia acreditamos e hoje sabemos ser em vão.

Retrata a iluminação escura das trevas

e o ruidoso som do silêncio.

 

Assim, variando em graus de tonalidades, no acinzentado antes colorido,

a dor da decepção queima por sua alta temperatura fria.

E a nós, sem nada a dizer e impotente no que fazer,

só resta seguir e tocar adiante a vida.

Você também pode se interessar por: